Perguntas e Respostas: Vírus Zika

O que é o vírus Zika?
É um vírus descoberto em 1952, mas que nunca havia sido diagnosticado no Brasil. Desde o ano passado tem havido casos no país, trazidos por turistas ou brasileiros que estiveram em áreas com esta doença, como alguns países da Ásia e da África.

Quais são os sintomas desta doença?
Os sintomas são semelhantes ao da dengue e de outras infecções causadas por vírus: febre, fraqueza, mal estar, manchas pelo corpo, dores as articulações e conjuntivite. Passados alguns dias estes sintomas desaparecem e, na imensa maioria das vezes, não deixam qualquer sequela. Cabe ressaltar que muitos casos podem ser leves ou nem ter sintomas, o que dificulta o diagnóstico.

A infecção pelo vírus Zika pode causar complicações?
É raro, mas sim, podem haver complicações. Nos países em que houve epidemias por vírus Zika constatou-se aumento dos casos de síndrome de Guillain-Barré, caracterizada por paralisia ascendente – que começa pelos pés e atinge progressivamente pernas, coxas e tronco – que pode ser grave e também ocorre microcefalia nos fetos, caso a mulher adquira a infecção durante a gestação. Há relatos de óbitos por conta desta infecção, inclusive aqui no Brasil, mas esta é uma exceção.

Existe tratamento para a infecção por vírus Zika?
Não existem medicamentos específicos. É indicado apenas repouso, hidratação e medicação para aliviar os sintomas, como os analgésicos. Em caso de síndrome de Guillain-Barré deve ser realizado o tratamento intra-hospitalar com imunoglobulina, podendo ser necessária internação em UTI.

Como prevenir esta doença?
Da mesma maneira que evitamos a dengue: não ter locais com água parada em casa e evitar contato com o mosquito. O melhor é instalar telas de mosquiteiro nas janelas, fechar a casa no início da manhã e final da tarde e usar repelentes indicados, sendo que as marcas mais comuns no mercado (Off, Repelex e Autan) são seguras e podem ser utilizados em adultos e crianças.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *